O mercado dos grandes a seu tempo

Ao Sporting chegaram Mexer, João Pereira e Sinama Pongolle. Têm ainda sido referidos os nomes de Del Horno e Manuel Fernandes, ambos actualmente ao serviço do Valencia. O Benfica voltou a investir no mercado brasileiro: acertou as contratações de Kardec e Airton, que teroricamente não deverão entrar directamente na equipa titular mas procurarão contribuir para aumentar a competitividade interna, sendo também já uma certeza que o atacante Éder Luís rumará à Luz. A reabertura do mercado está, por isso, a ser aproveitada para apetrechar os planteis. Com sentidos diferentes, é certo: os leões precisam mesmo de combater o défice de qualidade, os encarnados querem um conjunto de jogadores que dê todas as garantias. E o FC Porto?

Nos portistas, até ao momento, a paragem natalícia não trouxe ainda qualquer reforço para Jesualdo Ferreira. Apenas o nome do avançado argentino Eduardo Salvio foi veiculado como sendo um potencial jogador que interessasse portistas. Nada concreto. Pinto da Costa já o dissera, aliás: o FC Porto não iria fazer qualquer reajustamento no seu plantel. No entanto, os dragões chegam a esta fase no terceiro lugar, nada comum no passado bem recente, e com algumas lacunas no seu futebol. Neste FC Porto falta alguém que construa e assuma o futebol ofensivo, que não se esconda, que seja decisivo. Pode-se dizer que ainda falta quem entre no papel que pertenceu a Lucho González. O que mais se aproxima de El Comandante é Belluschi.

O médio argentino, contudo, tem sido utilizado com alguma irregularidade. Nos jogos com equipas de valor igual ou superior ao do FC Porto é preterido, invariavelmente, por Guarín, algo que demonstra bem que Jesualdo Ferreira ainda não o considera como um valor seguro. Apesar disso, Pinto da Costa mantém a sua opinião de que não são necessários reforços nem, acima de tudo, o treinador lhe pediu qualquer novo jogador – no Porto não há petróleo, disse o presidente portista, crítico, sarcástico para os rivais. Contudo, ainda como resquícios do clássico com o Benfica, o FC Porto poderá deixar de contar com Sapunaru e, sobretudo, Hulk. Quando os castigos forem conhecidos, os portistas atacarão o mercado. Obrigatoriamente.

Anúncios

2 thoughts on “O mercado dos grandes a seu tempo

Comentar. Com qualidade e com opinião própria. Sem ofensas e sem excessos.

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s